sábado, 20 de dezembro de 2014

{Opinião - Leituras antigas} "Morreste-me", de José Luís Peixoto

Este foi o primeiro livro que me deu a conhecer o autor José Luís Peixoto. Este é um texto que pretende ser uma homenagem ao seu pai. Nele, o autor relata a morte do pai e o seu luto.

Não há palavras para descrever este livro. É daquelas histórias que nos marcam e ficam connosco para sempre. É apaixonante, tocante, maravilhoso, com uma escrita brilhante! Emocionou-me de uma forma que mais nenhum outro livro o foi capaz de fazer. 

Neste livro o autor mostra-nos o que sentiu aquando da morte do seu pai. As suas frustrações e arrependimentos, a sua dor e o seu luto. Tão bom que até chega a doer. 

Faz-nos pensar na perda de quem mais gostamos. Percebemos a sua dor. Faz-nos chorar, lembrar e pensar na cruel que a vida é ao levar as pessoas de quem mais gostamos. Mas como se costuma dizer: a vida é assim. Caímos, levantamo-nos e continuamos. Por muito que isso nos custe. 

Leiam! 

Classificação:
5/5 - Excelente

9 comentários:

  1. Pois...o Pai Natal lembrou-se tarde demais...tens de o perdoar! :(

    ResponderEliminar
  2. Nunca li nada de José Luís Peixoto mas a ver se de 2015 não passa ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá tita!

      Eu comecei por este livro e adorei. É muito bonito. Ainda por cima é muito pequeno, por isso lê-se muito rápido. Li-o em 2 horas.

      Beijinhos e boas leituras!

      Eliminar
  3. Ois,

    Nunca li nada dele, mas a minha colega de sala tem tudo dele e admira-o bastante, tenho mesmo que experimentar ;)

    Bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Fiacha,

      Sim há pessoas que gostam e outras que não gostam muito de certos livros dele. Os dois únicos que li gostei. Este adorei! Talvez a altura em que o li também influenciou!

      Beijinhos e boas leituras!

      Eliminar
  4. Sem palavras. Um aperto no peito e um nó na garganta!! Dói mesmo, muito!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim...é muito duro! A realidade dura e crua. É a vida!

      Beijinhos e boas leituras!

      Eliminar